“O mundo todo não está preparado”

Faltando seis dias para a primeira partida das quartas de final do Campeonato Catarinense entre Chapecoense e Avaí, às 21h30, na Arena Condá, João Ricardo participou de entrevista coletiva. Nesta quinta-feira (2), no CT da Água Amarela, o goleiro do Verdão respondeu aos questionamentos enviados pela imprensa.

Sobre o estado estar preparado ou não para o retorno aos jogos, o goleiro analisa dificuldade mundial e destaca protocolo de saúde muito importante. “Não só Santa Catarina, acho que o Brasil e o mundo todo não está preparado, mas as autoridades criaram um protocolo de segurança e nos deixam mais tranquilos. Se a gente seguir todos os protocolos, o percentual de contaminação é muito baixo e isso nos tranquiliza pra poder voltar aos jogos”.

João vê confronto equilibrado contra o time da capital. “Avaí é um time grande, Chapecoense é um time grande, acho que com essa parada as duas equipes tiveram muito tempo para trabalhar. Lógico eles têm a vantagem de jogar o segundo jogo em casa, que querendo ou não é uma vantagem, mas como você falou, não tem torcedor”.

Por fim, destacou a importância do tempo de preparação para o estadual. “O Catarinense é a preparação para Série B, você pode tirar muitos proveitos do estadual. Por mais que a gente não tenha começado o estadual da forma que todo mundo esperava, mas agora esses dois meses foram muito importantes para a sequência de todo ano. A gente se preparou bem, a parte física está bem afinada.
Foto: Márcio Cunha / ACF

Notícias relacionadas


Últimas Notícias

Três categorias e quatro finais: Base da Chape é destaque em Santa Catarina

Fechados com a Chape: meio-campo Kaio Mendes e atacante Danrlei são oficializados pelo clube

Chape renova contratos com Cleylton, Kevin, Ronei e Pablo Oliveira

Chapecoense é vice-campeã do Sul-Brasileiro BG Prime sub-17

Para Sempre Lembrados: Chapecoense divulga iniciativas para o dia 29 de novembro

×