Notícias

Copa Sul-Americana: Em casa, Chapecoense mostra atitude e mantém disputa por vaga em aberto

13/09/2017 - 23:38

Para reacender a esperança do torcedor. Assim foi a noite desta quarta-feira (13), na Arena Condá, quando a Chapecoense recebeu o Flamengo para partida de ida das oitavas de final da Sul-Americana. Com a tradicional atmosfera da competição continental, a Chape entrou em campo disposta a fazer valer o fator caso e ditar o ritmo da partida e assim o fez. Com muito volume de jogo e inúmeras chances de perigo contra o gol do adversário, a superioridade alviverde foi incontestável. O goleiro Diego Alves, no entanto, também estava em noite inspirada, salvando a equipe carioca e determinando o placar em 0 a 0.

Com o interino Emerson Cris no comando da equipe e Alan Ruschel iniciando o jogo como titular pela primeira vez após o retorno aos gramados, a Chapecoense iniciou a partida sem se intimidar com o forte adversário e indo pra cima do Flamengo. Mantendo a marcação alta, a equipe alviverde dificultou a criação dos rubro-negros, que apelaram para as bolas longas e jogadas aéreas, mas, também, sem efetividade. A melhor oportunidade do primeiro tempo foi em contra-ataque arrancado pela Chape aos 41. Canteros abriu para Alan Ruschel que chutou forte para a defesa do arqueiro flamenguista.

Com o domínio da partida, o Verdão voltou para o segundo tempo se lançando ainda mais ao ataque, mas sem baixar a guarda na marcação. Aos 16, o técnico Emerson Cris apostou na entrada de Penilla, imprimindo mais velocidade ao ataque da Chape. Foi dos pés do equatoriano que iniciou outra boa oportunidade da equipe alviverde: Penilla chutou, Diego Alves deu o rebote e a bola sobrou para Reinaldo, que quase abriu o marcador. O jogo seguiu em ritmo intenso - com 16 finalizações da Chapecoense contra apenas 10 do Flamengo - mas terminou sem nenhum dos times mexer no placar. 0 a 0 na Arena Condá.

Na coletiva de imprensa após a partida, o interino Emerson Cris fez questão de destacar a atuação do elenco e o esforço que tem sido demonstrado pelo grupo de atletas. “Esses caras são merecedores de tudo o que foi feito hoje aqui. (...) Eu acho que todo o mérito é pra quem abraçou a causa. Sabiam do momento que a gente vinha atravessando e se entregaram ali dentro, como sempre fizeram”, afirmou.

O jogo de volta das oitavas de final da Sul-Americana acontece na próxima quarta-feira (20), no Rio de Janeiro. Antes disso, a Chape volta as atenções para o Campeonato Brasileiro, já que no próximo domingo enfrenta a equipe do Grêmio, em Porto Alegre.

Texto: Alessandra Seidel | Fotos: Rafael Bressan 

Receba novidades e conteúdos exclusivos
Seu email foi cadastrado com sucesso!
Patrocinadores
Aurora
Havan
Unimed
Umbro