Noticias

Comunicado Oficial | 17/10/2019

17/10/2019 - 14:07

Entre as medidas tomadas pela Associação Chapecoense de Futebol visando a austeridade financeira do clube, uma delas refere-se à extinção dos cargos de diretores como função remunerada. Deste modo, a instituição encerrou os contratos dos profissionais Roberto Aurélio Merlo - que atuava como Diretor Administrativo e Financeiro -, Marcelo Zolet - que atuava como Diretor Jurídico - e João David De Nes - que atuava como Diretor de Marketing. 

Além da extinção dos cargos de diretores remunerados, durante a Reunião Ordinária do Conselho Deliberativo da última segunda-feira (14), o Presidente do Conselho Deliberativo Rudimar Roberto Bortolotto leu a carta de renúncia de Luiz Antonio Danielli, que exercia, de forma voluntária, a função de Vice-Presidente de Marketing e Patrimônio. Danielli, por sua vez, justificou motivos pessoais e a necessidade de priorizar suas obrigações profissionais. Neste caso, em particular, o Estatuto prevê que a diretoria dos Conselhos Deliberativo e Administrativo deverá, no prazo de quinze dias, nomear e dar posse a outro, dentre os conselheiros ou entre os próprios membros dos conselhos, em substituição, para complementação do mandato.

Reciba novedades y contenidos exclusivos
Su correo electrónico se ha registrado correctamente!
Patrocinadores
Aurora
Havan
Unimed
Umbro
Sicoob MaxiCrédito
Apoiadores
Brahma
Volkswagen