Chapecoense sofre a primeira derrota na Série B do Campeonato Brasileiro

A Chapecoense entrou em campo na noite desta sexta-feira (28), na Arena Pantanal, para disputar contra o Cuiabá partida válida pela 6ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. No jogo de seis pontos, a equipe alviverde inaugurou o marcador, com Paulinho Moccelin fazendo valer a Lei do Ex e acertando um golaço logo aos sete minutos do primeiro tempo. O time da casa, no entanto, manteve a pressão e, na etapa final de partida, quando já corriam os acréscimos, marcou os gols de empate, com Anderson Conceição, e de virada, com Yago, determinando em 2 a 1 o placar final.

A partida:

No jogo disputado entre duas equipes que ainda não haviam tomado gol na competição, bastaram sete minutos de bola rolando para a rede balançar. Após disparar em velocidade, Paulinho Moccelin tentou o passe, mas a bola bateu em Anderson Conceição. Na sobra, ela voltou para o atacante, que finalizou de canhota e abriu o placar na Arena Pantanal. Jogando nos seus domínios, mas em desvantagem no marcador, o Cuiabá passou a pressionar e, aos 20, Jenison finalizou com força para excelente defesa de João Ricardo.

O segundo tempo de partida também começou movimentado, mas por motivos diferentes: aos cinco minutos, Anselmo Ramon e Hayner receberam vermelho, desfalcando as equipes na sequência da partida. A Chapecoense – que já havia perdido os atletas Ezequiel e Anderson Leite por lesão – não conseguiu segurar o adversário, que, no tempo complementar, repetiu a pressão esboçada na primeira etapa.  Deste modo, nos sete minutos de acréscimos indicados pela arbitragem, Anderson Conceição, aos 47, empatou, e Yago, aos 48, confirmou a virada.

Palavra do comandante: 

Após a partida, o técnico Umberto Louzer avaliou o resultado e projetou a partida contra o Juventude. “No segundo tempo tivemos dificuldades com a perda de alguns atletas e não conseguimos sustentar a questão ofensiva. (…) Em duas bolas finais, acabamos pagando um preço caro, mas temos que tirar lições dessa derrota. Trabalhar os atletas, recuperar. É claro que a gente lamenta a derrota e lamenta a perda de alguns atletas, mas temos que reunir forças, ver os atletas que estarão disposição para que a gente possa ter a melhor estratégia para o jogo contra o Juventude e fazer a lição de casa”.

Próxima partida: 

A Chapecoense volta a campo na próxima terça-feira (01), na Arena Condá, para disputar contra o Juventude partida válida pela 7ª rodada da Série B do Campeonato Catarinense.

Por Alessandra Seidel 

Notícias relacionadas


Últimas Notícias

Três categorias e quatro finais: Base da Chape é destaque em Santa Catarina

Fechados com a Chape: meio-campo Kaio Mendes e atacante Danrlei são oficializados pelo clube

Chape renova contratos com Cleylton, Kevin, Ronei e Pablo Oliveira

Chapecoense é vice-campeã do Sul-Brasileiro BG Prime sub-17

Para Sempre Lembrados: Chapecoense divulga iniciativas para o dia 29 de novembro

×