Chapecoense negocia promessas da base com o Flamengo

A Chapecoense formalizou, nos últimos dias, a negociação de um atleta e empréstimo de outro – das suas categorias de base – para uma das maiores equipes do futebol brasileiro: o Flamengo. O atacante Luis Felipe, de 15 anos, e o zagueiro Diego Ritter, de 16, irão se apresentar na gávea e integrar as categorias de formação do clube carioca.

Com 16 gols em 19 partidas com a camisa da Chapecoense na última temporada, Luis Felipe despertou a atenção pela qualidade técnica e tática e, também, pelos aspectos físicos. Num primeiro momento, o atleta assinará um vínculo de formação com o Flamengo e, quando atingir a idade, firmará o contrato profissional – estabelecendo a divisão dos seus direitos econômicos entre o rubro-negro e a Chape.

O zagueiro Diego Ritter, por sua vez, se destacou em 2019 ao emplacar convocações para a Seleção Brasileira da categoria sub-17. Ele firmou vínculo de empréstimo até o final de 2020, com opção de permanência do atleta e compra de parte dos direitos econômicos pelo Flamengo após o período.

Para Márcio Stakonski, Diretor de Futebol das categorias de base alviverde, o firmamento dos contratos é extremamente positivo. “Pra nós, essas negociações são a certeza de que um grande trabalho está sendo realizado e de que grandes equipes estão com os olhos voltados para cá, com interesse nos nossos atletas e, também, de firmar parcerias com a Chapecoense. O Flamengo é uma grande vitrine”.

Por Alessandra Seidel

Notícias relacionadas


Últimas Notícias

Primeira edição do Outlet do Verdão acontecerá na próxima semana

Chapecoense é o primeiro clube brasileiro a lançar e-book escrito pelos atletas da base

Pré-temporada do Verdão terá início na próxima semana

Informação | 7 de dezembro de 2022

Alexandre Souza é o novo preparador físico da Chapecoense

×